LOCAL

20/04/2017 -- 09:30

Renomada costureira assisense morre de insuficiência respiratória

O velório está sendo realizado na Funerária São Vicente Prever

Facebook
Twitter
Google +
Whatsapp
Surgerir Pauta
Comunicar Erro

A renomada costureira de Assis, Ermelinda da Silva Campos, de 75 anos, moradora da Vila Ribeiro, faleceu por volta das 0h30, de insuficiência respiratória na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Ela é muito querida pelos familiares e amigos, frequentava as atividades do Programa Agita Assis, que oferece exercícios físicos para a terceira idade.

Ermelinda deixa os filhos Maria Aparecida de Campos, Márcia de Campos, Manoel Ademir de Campos, Luzia Margarete de Campos, Vagner José de Campos, atual presidente do Sincomerciários, Miriam de Campos e Ana Elisa de Campos. Além dos filhos, deixa 13 netos e 5 bisnetos.

O velório está sendo realizado na sala 3 da Funerária São Vicente Prever, o sepultamento é previsto para as 17h, no Cemitério Municipal da Saudade de Assis.


Ermelinda da Silva Campos


Redação AssisCity / Foto: Arquivo Pessoal
Leia também!
DROGAS
Câmara realiza II Fórum Municipal de Prevenção às Drogas
A iniciativa é dos vereadores Valmir Dionizio e Alexandre Cachorrão
TEMPO
Última semana de junho deve ser de temperaturas amenas, em Assis
Veja a previsão do tempo para os próximos dias
ROTINA
Tráfico de drogas continuam sendo as principais ocorrências da Polícia
Flagrantes com prisões aconteceram em Assis e mais duas cidades
SORTUDOS
Moradores de Assis, Paraguaçu e Cândido Mota são contemplados em sorteio12
Somadas, as três premiações totalizam R$ 79 mil
REUNIÃO
Sindicato dos Bancários de Assis recebe diretores da Federação dos Bancários de São Paulo
Diante desta situação, o movimento sindical já está promovendo ações para não aceitar passivamente todo esse desmonte que o atual governo vem propondo
UNIMED
Festa Junina confraterniza beneficiários do Programa Medicina Preventiva da Unimed Assis
Grande diversidade de comidas típicas e apresentações do Studio de Dança L’arte Balletto com as coreografias ‘Maria Bonita’ e ‘Carimbó’ animaram o público
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2017
Google Twitter Whatsapp Facebook