19 de Janeiro de 2020
17º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Oncologia do Hospital Regional corre o risco de ser descredenciada novamente

Governador havia prometido que Assis teria o serviço mantido

De acordo com documento expedido nesta terça-feira, 28, e assinado por Francisco de Assis Figueiredo, secretário do ministro da Saúde, Ricardo Barros, do PP, o Hospital Regional de Assis terá descredenciado o Setor de Oncologia em detrimento do credenciamento da Santa Casa de Ourinhos, diferentemente do que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) prometeu aos 13 prefeitos do CIVAP, vereadores e voluntárias da Associação do Câncer, na cidade de Lins no dia 3 de março.

O descredenciamento de Assis parecia ter sido resolvido quando o governador, em Lins, com um telefonema ao secretário de Estado da Saúde David Uip, na presença de todos, determinou que o credenciamento fosse mantido em Assis.

A notícia do credenciamento de Ourinhos foi amplamente comemorada pelo deputado Federal Capitão Augusto nas redes sociais, desde às 11 horas desta terça-feira que também informou que a publicação da Portaria que prevê essas medidas será feita no Diário Oficial da União nesta quarta-feira, 29.

Em São Paulo

Prefeitos do Civap estavam em uma reunião na Secretaria Estadual do Meio Ambiente, em São Paulo, na tarde desta terça-feira quando receberam a notícia do Deputado Estadual Ricardo Madalena e ficaram atônitos com a informação. De imediato, o grupo já anunciou que vai tentar uma audiência na manhã desta quarta-feira com o Secretário da Saúde.



Documento assinado por Francisco de Assis Figueiredo, secretário do ministro da Saúde, Ricardo Barros onde mostra descredenciamento de Assis




Comitiva com 13 prefeitos do Civap e vereadores de Assis que se reuniram com o Governado no dia 3 de março



Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM