25 de Maio de 2018
17º/30º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Assisense vence se impondo no clássico local

Na manhã deste domingo de Dia das Mães aconteceu o grande clássico local entre Vocem e Assisense com vitória para o Falcão do Vale por 1 a 0. O gol foi marcado por Ícaro na metade do segundo tempo.

Clássico com cara de clássico. Brigado, disputado, nervos aflorados, torcidas infladas e todos os ingredientes que podem compor uma partida de dois times da mesma cidade. Curiosamente (ou não) foi a melhor partida para um torcedor comum apreciar nas últimas semanas em Assis. Melhor para a do Assisense.

Edson Vieira deve cair

Derrota em clássico tem um peso triplicado para qualquer técnico de futebol, não seria diferente aqui em Assis. Edson Vieira já havia entrado em rota de colisão logo no intervalo do primeiro jogo do Vocem em Assis, quando discutiu com torcedores dizendo que seu time não iria jogar com "chutão”, pedido contrário que vinha das arquibancadas.

Após seis jogos, 8 pontos conquistados e derrota no derby, a paciência do torcedor mariano se esgotou e já pediu a demissão do técnico.

Discurso de demissão

Ao final do jogo nos microfones da Matrix FM o discurso do presidente do Vocem, Fabio Mânfio, era de que haverá uma reunião corriqueira nesta segunda-feira para definir alguns pontos.

Por outro lado, o técnico Edson Vieira chamou para si a responsabilidade do revés e adotou cautela nas palavras.

Feeling desse colunista

Discurso típico de presidente insatisfeito e de técnico que sabe que será demitido. Nos corredores do Estádio havia uma crítica generalizada de alguns integrantes da diretoria do Vocem. Edson só não será demitido se algo extraordinário acontecer.

Pés no chão

Palavras de profundo respeito de presidente do Assisense, Roberto Credim, ainda antes do resultado final. Bacana de ouvir. E já no fim, o técnico Vitalino Nardi creditou essa vitória por muito trabalho e dedicação de todo grupo de jogadores no dia a dia.

Italo Luiz
formando em Jornalismo e Publicidade e Propaganda pela FEMA. Trabalhou durante sete anos na TV e rádio FEMA FM como repórter, apresentador e locutor. Atualmente está no Departamento de Comunicação da Prefeitura de Assis.
+ VEJA TAMBÉM