23 de Abril de 2019
17º/30º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Pimenta no olho dos outros: além de ser colírio, antecipa a visão...

COLUNISTA - Isabella Nucci

Aí vamos nós, eis que de forma inédita, em pleno mais recente desfecho da política. Sim, gente, o baile segue como o roteiro de programação da Globo. Pois nos apresentam filmes e séries super incríveis logo após o BBB ser estreado. Peço licença para que eu possa traduzir essa metáfora. Pois muitos hão de amar e mais muitos detestarão o que de fato é incontestável. Pois é, digníssimos bolsofóbicos, o vosso presidente, apesar do rolo do Flávio com seu ex-assessor, ainda é ficha limpa e permanece liderando o título de homem honesto.

Confesso encarar o Caso Queiroz julgando pelo histórico do nosso Brasil. Pois duvido que alguém queira, por mais que seja preciso, menos impunidade enquanto existe a parcela da nação que torce contra a Pátria Amada. Creio, portanto, no que é passivo de sentido visto que os depósitos suspeitos de ilegalidade não só podem como devem ser investigados. Porém, já sofremos tanto por conta da corrupção e outras mazelas negligentes que, infelizmente, eu chego ao ponto de acrescentar certa irrelevância às movimentações de dinheiro ilícitas detectadas pela COAF.

Ou seja, leitores esclarecidos, nem em cerca de 5 anos o nosso País vai corresponder às nossas expectativas, segundo um índice divulgado pela internet. Ainda haverá, querendo ou não, um longo percurso de reparos aos danos causados pelos desgovernos. Nosso País vem sendo arruinado desde os tempos em que o FHC tomou posse e abriu a porteira para o bando deitar e rolar. A culpa não é somente do Lula ou da Dilma, não, certo? Vejas tu, por exemplo, uma pessoa que votou no Bolsonaro. Repares que as denúncias apresentadas ontem (18 de janeiro) no Jornal Nacional inevitavelmente te deixou, como eu costumo dizer, puto da vida. E não é isso mesmo?

Sinto muito. Mas a política é assim. Devemos apenas entender que sangue de família até o próprio mosquito da Dengue chupa. Logo, não podemos ficar mamando nas tetas do governo se a Nova Era deixar escorregar pelos vãos os vícios pelos trambiques. Enfim, se Flávio Bolsonaro tem culpa no cartório, é sensato a gente esperar que ele pague as devidas contas.

Mas a coisa está bem mais triste porque os petistas se aproveitam de um suposto crime para botar mais fogo na lenha até incendiarem a fogueira. É daí pra frente que a esperança se encaminha ao bueiro. Finalmente devo abrir o jogo e lhes ressaltar que, embora o líder de uma nação seja o detentor do poder, quem dá a ele a mágica de ter amor e competência para com seu País é o povo como um todo único e unido. O negócio nem é ver para crer mais. Só nos resta mesmo crer demais e depois ver. Mas veremos bem muito depois. Antes isso do que já enxergar o apocalipse. Né?

Isabella Nucci - Poeta, jornalista e compositora 💫
Isabella Nucci
Isabella Nucci 💫 Jornalista, poeta e compositora
+ VEJA TAMBÉM