21 de Fevereiro de 2019
17º/30º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Permissão de Pai!

Por Clovis Marcelino

"Mas aprouve ao Senhor esmagá-lo pelo sofrimento...” Is.53-10

Por Clovis Marcelino

A salvação da criatura: a minha, a sua salvação, a nossa, não foi resultado apenas da entrega de Jesus aos sumos sacerdotes, nem a Pilatos, nem ao madeiro em que Ele fora pregado. Mas, antes de tudo, a permissão do Pai em entregar e oferecer o próprio filho e a obediência Dele (Filho) ao Pai, em sacrifício de expiação. Deus é amor, mas isso não significa que tudo para Deus seja amor. Ele abomina o pecado, abomina o mau, a perversidade, a mentira, abomina a traição e por ser Senhor da vida, abomina tudo que concorre para a interrupção da vida.

Fico na minha pequenez imaginando como será que Deus enxerga a sua criatura? Claro que com carinho, ternura, meiguice, misericórdia, mas, ao mesmo tempo, deve pensar que somos muito ingênuos. O Pai nos proporciona tudo para vivermos de forma feliz e completa, no entanto, damos lugar a tanta futilidade, tanta perda de tempo com coisas que não nos edificam, ao contrário, nos afastam mais e mais do amor e da sadia convivência. Foi por esses pecados e outros tantos, que o próprio filho foi esmagado, em outra tradução: "moído” sozinho em uma cruz e não abriu a boca. E foi por mim, por você! Que essa verdade nunca seja apagada de nosso coração.

Divulgação
Clovis Marcelino
Clovis Marcelino faz reflexões diárias sobre versículos bíblicos e escreve semanalmente no AssisCity
+ VEJA TAMBÉM