23 de Abril de 2019
17º/30º
NOTÍCIAS » ESPORTE

Vôlei masculino de Assis estreia neste domingo pela Liga de Cafelândia

Equipe sub 20 enfrenta Tupã

Neste domingo, 7, a equipe masculina sub 20 de vôlei de Assis estreia na Liga de Cafelândia. O primeiro desafio é contra um dos principais adversários dos assisenses, o Tupã. O torneio que, ainda conta com equipes como o Voleibol União Bauruense (VUB), servirá de preparação para os Jogos Regionais, competição que os comandados pela treinadora Juliana Lameu tanto sonham em conquistar.

O elenco dessa temporada foi totalmente modificado. A exigência de atletas da categoria sub-20, fez com que o time de Assis perdesse quase todos aqueles que fizeram parte da campanha nos Jogos Regionais de 2018. A equipe ficou com o vice-campeonato, após derrota para Bastos. Após alguns testes, foram escolhidos jovens da cidade e também de fora.

"A formação para esse ano foi feita através de muitos estudos, uma vez que do ano passado para cá perdemos mais da metade de uma equipe por conta da idade. Com isso tivemos que buscar novos atletas, onde metade são daqui e metade de fora”, destaca a treinadora.

Dentro dessa nova equipe, um jovem de apenas 16 anos se destaca nos jogos e nos treinamentos. Renã, líbero da equipe, é considerado um dos melhores da região na sua posição.
Outro ponto importante é a dupla de levantadores, Carlos e Albert, que juntos se tornam o ‘cérebro’ do time. Apesar disso, Juliana garante que não existe um nome principal, uma vez que precisa de todos que estão em quadra.

"Não temos um principal jogador. Temos aqueles que se destacam um pouco mais, mas precisamos de todos que estão em quadra. Um jogador só não joga sozinho”, avaliou a professora.

O Vôlei de Assis conta com o apoio tanto da Prefeitura Municipal, quanto da Secretária de Esportes e da loja de materiais esportivos, World Sport. Além disso, a presença de uma treinadora experiente no esporte são os principais diferenciais para buscar as melhores posições na temporada.


Equipe sub 20 de Voleibol Masculino Assis


Divulgação SEMEA/ Fonte: No Portal
+ VEJA TAMBÉM