23 de Maio de 2019
17º/30º
NOTÍCIAS » SAÚDE

Ibirarema registra uma morte por suspeita de dengue

A mulher de 49 anos morreu nesta terça-feira, 23 com suspeita de dengue hemorrágica

Uma mulher de 49 anos morreu com suspeita de dengue hemorrágica nesta terça-feira, 23 em Ibirarema.
No velório, parentes e amigos tiveram a chance de se despedir de Neusa Teodora da Silva.
"Ela começou com muita febre alta, nós a levamos na UBS, foi medicada com dipirona, só isso. Depois ela foi passando mal, passando mal, foi ficando amarela”, relata a cunhada Maria Glória Almeida.

A mulher foi atendida em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) com suspeita de dengue, foi medicada e liberada. Mas nesta segunda-feira (22) retornou para ser atendida. Como a situação de saúde da mulher piorou, ela precisou ser lavada para o Pronto-Atendimento de Ourinhos.

A Secretaria de Saúde de Ibirarema informou que prestou todo apoio à vítima enquanto ela esteve na UBS e que já solicitou exames para comprovar a real causa da morte.

Neusa da Silva morava em Ibirarema, uma das 26 cidades do Centro-Oeste Paulista que no início deste ano se destacaram por ter índice zero de infestação do mosquito da dengue. Agora, a cidade de cerca de 7,6 mil habitantes já tem 16 casos da doença confirmados.



Neusa Teodora da Silva, 49 anos, foi atendida em Ibirarema e chegou a ser transferida para Ourinhos, mas não resistiu


Familiares e amigos participam do velório de Neusa


Fonte G1
+ VEJA TAMBÉM