23 de Julho de 2019
17º/30º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Apenas um abraço!

COLUNISTA - Clovis Marcelino

"Tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las, tempo de abraçar e tempo de se conter...” Ecle.3-5; Temos muitas vezes, seja por preconceito, pressa, descaso, enfim, nas situações em que nos encontramos com pessoas na rua pedindo, o hábito de as pré julgar como inconvenientes e até mesmo como desocupadas, malandras e bandidas, principalmente quando estamos atrasados para algum compromisso.

Dia desses deparei-me com uma situação dessas, ao longe já avistei no semáforo uma senhora com uma plaquinha na mão. Logo fui imaginando, ou melhor deduzindo, o que estaria escrito naquela placa: "sou surda, ajude-me; sou mudo; preciso viajar; tenho cinco filhos e preciso comprar leite. Etc..” Sinal vermelho, vidros fechados fui me aproximando, olhei no painel do carro e vi que tinha uma nota de dois reais, a peguei e fui me preparando para descer o vidro e entregar, sem me preocupar com o que ali estava escrito.

Ao parar, não tive como não ler o cartaz que aquela senhora portava. Nele estava escrito assim: "Um abraço pela misericórdia!”. Puxei o freio de mão, desci e em um impulso, a abracei. Pude sentir seu rosto frio encostado no meu, e o coração dela pulsando como que de alegria. Ela baixinho me agradeceu com um suave: obrigado! E ela queria apenas um abraço. Me senti envergonhado de meu pré julgamento.

Quantas outras pessoas querem apenas um abraço? Quantas pessoas não possuem ninguém para abraçar e corajosamente, portam uma placa saindo as ruas, implorando pela misericórdia, um abraço! Assim concluo - Bem pertinho da gente, sempre haverá alguém precisando de um abraço!

Clovis Marcelino
Clovis Marcelino
Clovis Marcelino faz reflexões diárias sobre versículos bíblicos e escreve semanalmente no AssisCity
+ VEJA TAMBÉM