12 de Novembro de 2019
17º/30º
NOTÍCIAS » EDUCAÇÃO

Estudantes de Assis produzem adaptação do filme "O Bem Amado"

O filme foi produzido para um trabalho de literatura

Há cerca de um mês, ex-alunos da Escola Técnica Pedro D’Arcádia Neto de Assis publicaram no Youtube uma releitura do filme "O Bem Amado", de autoria de Dias Gomes, produzido por eles como um trabalho da disciplina de Literatura.

Ítalo Gabriel Santos Dias, integrante do grupo, conta que a professora Luciana Mendonça propôs aos alunos trabalhos de obras literárias brasileiras, oferecendo alguns títulos para a escolha dos grupos.

"O meu grupo fazia todos os trabalhos juntos e sempre tentávamos prepará-los de forma diversificada e criativa. Por sabermos que O Bem Amado era uma obra cômica, consideramos que este seria o melhor livro para trabalharmos. Então tivemos a ideia de transformar o livro em filme. Eu e o Gustavo, outro integrante do grupo, lemos o livro e montamos o roteiro, escolhemos os atores que mais de adequavam a cada personagem, e depois preparamos as gravações das cenas conforme a disponibilidade de cada ator", conta.

Segundo Ítalo, durante as gravações foram necessárias algumas adaptações no texto para facilitar a gravação. O grupo contou com o apoio de uma funerária que cedeu seu espaço e um caixão para a gravação de uma cena.

"Contamos com a participação de alunos que estudavam conosco, além de alunos de outras salas, além de ex-alunos da escola. Ao todo foram 14 atores e 8 ajudantes. As cenas foram gravadas conforme a disponibilidade dos atores, usando celulares, e nós mesmos gravamos. Usamos também pontos conhecidos de Assis para as gravações, como o coreto da praça da Catedral", salienta.

Em 27 dias o filme foi gravado e editado. Sua exibição em sala de aula foi bastante significativa.

"O nosso trabalho foi o único filme apresentado e o pessoal gostou muito. Outras salas assistiram e também gostaram bastante. Para nós foi uma experiência única, com certeza. Agora tivemos a ideia de disponibilizar o filme no Youtube, para que mais pessoas possam assistir, pois a ideia era poder mostrar mais de nossa cidade. Para nossa surpresa, o filme já tem 760 visualizações em menos de um mês. Consideramos este um bom número, pois era um trabalho voltado para a escola, mas algumas pessoas que não conhecemos falam que nos viram no filme. Isto é muito gratificante, pois nos dedicamos para fazer o melhor", conclui.

Elenco e equipe: Bruno Scaramboni como Dermeval, Gabriel Bernardino Liberato como Zeca Diabo, Gabriela Barbosa da Silva como Dorotéa Cajazeira, Gisele Ferreira Katumata como Maestra Ambrosina, Giovanna Alves como Zélião, Gustavo Henrique de Souza Barbosa como Neco Pedreira, Isabela Cisne Pascon como Dulcinéa Cajazeira, Ítalo Gabriel Santos Dias como Odorico Paraguaçu, Jéssica Vasconcelos Cláudio como Velha Beata, José Antônio Domingos de Lima como Vigário, Larissa Rodrigues Vilela como Judicéa Cajazeira, Matheus Ribeiro Pinto como Moleza, Thiago Felipe de Lima como Ernesto Cajazeira, Vinicius Lupuseli como Dirceu Borboleta.

Narração de Gabriel Bernardino Liberato, adaptação de Gustavo Henrique de Souza Barbosa e Ítalo Gabriel Santos Dias, produção e direção de Gustavo Henrique de Souza Barbosa e Ítalo Gabriel Santos Dias, edição de Lucas Pereira dos Santos,arte gráfica de Anna Clara de Castro Lopes.

Participações especiais: Pedro Lorenzo, Maria Fernanda dos Santos Nunes, Sarah Cristina Pereira Marques, Leonardo Machado, Aline Augusto, Márcio "do Moto Táxi".

Agradecimentos: Funerária Santa Rosa, Delegacia de Assis, Cemitério Municipal de Assis, Mitra Diocesana de Assis, Etec Pedro D’Arcádia Neto.

Assista ao filme:



divulgação - As cenas foram gravadas em pontos conhecidos de Assis, como o coreto da Praça da Catedral
As cenas foram gravadas em pontos conhecidos de Assis, como o coreto da Praça da Catedral


divulgação - Os alunos produziram 11 cenas do filme
Os alunos produziram 11 cenas do filme


Redação AssisCity/ Foto: Divulgação
+ VEJA TAMBÉM