21 de Novembro de 2019
17º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Policial militar de Assis salva vida de bebê engasgada

Cabo Fernando estava de folga, mas ajudou a salvar vida de bebê de 36 dias

Um policial militar se tornou um verdadeiro herói ao salvar a vida de uma bebê de apenas 36 dias em Assis.

Cabo Fernando integra o efetivo do 32º Batalhão de Polícia Militar do Interior, com sede em Assis, e estava de folga no dia da ocorrência.

A mãe da bebê, Bruna Comelli, conta que a filha sofre de refluxo e que ao pegá-la no colo percebeu algo de errado.

"Ela acordou resmungando depois da mamada e percebi que faltava o ar, porque ela estava começando a engasgar. Tentei fazer a manobra, mas pelo nervosismo não consegui, e saí na rua pedindo socorro. Só pensava no nosso vizinho, o cabo Fernando, que graças a Deus estava em casa e salvou a vida da minha filha como um grande profissional que é”, afirma.

Segundo o cabo Fernando, o treinamento pelo qual os policiais passam é importante para momentos como esse.

"A Bruna entregou a pequena Maria Helena nos meus braços e, com o treinamento da gente, foi automático fazer as manobras. Logo no primeiro ciclo ela já voltou a respirar e depois a levamos para a UPA, onde ela ficou em observação, mas graças a Deus deu tudo certo”, salienta.

Divulgação PM - Bruna Comelli com o cabo Fernando e a filha Maria Helena
Bruna Comelli com o cabo Fernando e a filha Maria Helena


De acordo com o médico que atendeu a bebê na UPA de Assis, André Luis Paluci, ela já chegou à unidade de saúde estabilizada.

"A manobra é de extrema importância, especialmente quando executada de maneira rápida e bem sucedida como foi esse caso. A Maria Helena já chegou à UPA normalizada, estava corada, com os pulmões limpos e os batimentos cardíacos normais”, finaliza.

Assista ao vídeo gravado com os depoimentos e também com a orientação do cabo David Nogueira, do Corpo de Bombeiros de Assis, para a realização da manobra de Heimlich:



Redação AssisCity/ Fotos: Divulgação PM
+ VEJA TAMBÉM