04 de Dezembro de 2022
20º/30º
Notícias - Brasil

Copa começa hoje com jogo entre Catar e Equador; veja detalhes da abertura

Partida inaugural acontece neste domingo (20), às 13h (horário de Brasília), no estádio Al Bayt

Começa neste domingo (20), no Catar, a 22ª edição da Copa do Mundo da Fifa. Pela primeira vez, a competição será realizada em um país do Oriente Médio e no final do ano. A cerimônia de abertura do evento começa às 12h (horário de Brasília).

A partida de estreia entre Catar e Equador acontece um pouco mais tarde, às 13h (horário de Brasília), no estádio Al Bayt, localizado a 40 quilômetros ao norte da capital Doha. O palco da partida foi inspirado nas tendas usadas historicamente pelos povos nômades do Catar — chamadas de "bayt al sha'ar" — e tem capacidade para 60 mil pessoas.

O anfitrião da Copa foi selecionado pela Fifa em 2010, quando também optou-se pela Rússia como sede da competição em 2018. Os 64 jogos serão realizados em oito estádios: Al Bayt; Khalifa International; Al Thumama; Ahmad Bin Ali; Lusail; Estádio 974; Education City e Al Janoub. A grande final do torneio será disputada em 18 de dezembro no estádio Lusail.

A seleção do Catar fará sua estreia em mundiais. A equipe venceu a última edição da Copa da Ásia, disputada nos Emirados Árabes Unidos em 2019. O time é comandado pelo técnico espanhol Félix Sánchez desde 2014.

Na península árabe, Sánchez é creditado por introduzir o estilo espanhol de "um toque, passes curtos, bom trabalho em equipe e jogo baseado na posse de bola", segundo Alhmed Hashim, editor do Qatar Football Live.

Em junho, o treinador espanhol levou os jogadores do país para centros de treinamento na Espanha e na Áustria. Em setembro, o Catar realizou uma série de amistosos, sendo derrotado pelo Canadá por 2 a 0 e pela seleção sub-23 da Croácia por 3 a 0. Contra o Chile, empate por 2 a 2.

Nos últimos três compromissos antes do início da Copa, o Catar venceu as seleções da Nicarágua (2 a 1), da Guatemala (2 a 0) e de Honduras (2 a 0). Apesar da pouca tradição, a equipe deve contar com o apoio dos quase três milhões de habitantes da península árabe.

Os donos da casa enfrentarão o Equador, que disputa seu quarto mundial após oito anos longe do torneio. A equipe do técnico argentino Gustavo Julio Alfaro terminou em quarto lugar nas Eliminatórias e garantiu vaga direta para a competição.
CNN
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM