05 de Agosto de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Cresce número de denúncias ao Conselho Tutelar de Assis durante a pandemia

Houve um crescimento acentuado de registros de adolescentes envolvidos com atos infracionais, principalmente no que tange ao tráfico de drogas

O Conselho Tutelar de Assis tem registrado um crescimento acentuado de denúncias e ocorrências durante a pandemia do Covid-19. Este crescimento se deve, principalmente, em função do número de pessoas que estão isoladas em suas casas, obedecendo ao distanciamento social. A maioria das denúncias acontece diante de brigas de casais, acusações de agressões, abuso sexual, entre outras.

Diante disso, o Conselho Tutelar tem atendido todas as denúncias, principalmente aquelas que exigem maior atenção, no caso, de abuso sexual. O fato das famílias ficarem juntas faz com que esse tipo de denúncia aumente consideravelmente, exigindo dos conselheiros tutelares uma atenção especial, já que se trata de um tema extremamente delicado.

Outro fator que os conselheiros têm se debruçado é em relação ao pedido das escolas, municipais e estaduais, para que os alunos façam as tarefas diárias e os trabalhos pedidos pelos professores durante esse período em que estão em casa. Vários alunos não têm apresentado estes trabalhos, e diante disso, as escolas solicitam a intervenção do Conselho Tutelar junto às famílias. Os conselheiros têm procurado orientar as famílias para que acompanhem seus filhos no dia a dia, verificando se estão realmente fazendo as tarefas solicitadas pelos professores. Caso isso não aconteça, exigir dos filhos que cumpram com seus deveres escolares. E as famílias que por ventura não contam com computadores ou celulares para acessarem os conteúdos das escolas, que procurem as unidades escolares para retirarem os materiais de estudos.

divulgação


De acordo com Sergio Vieira, atual presidente do Conselho Tutelar de Assis, houve um crescimento acentuado de registros de adolescentes envolvidos com atos infracionais, principalmente no que tange ao tráfico de drogas. "A polícia tem apreendido muitos adolescentes envolvidos neste tipo de ato infracional e os conduzido até o Plantão Policial. Quando não contam com a presença de um familiar responsável, o conselheiro tutelar tem que acompanhar o depoimento deste adolescente, e caso o delegado decida liberá-lo, este profissional o conduz até sua residência e o deixa com o pai ou a mãe, ou mesmo com um familiar, sob termo de responsabilidade”, explica o conselheiro.

Caso a população necessite dos serviços do Conselho Tutelar pode entrar em contato durante a semana das 8 às 18 horas pelo número de telefone 3321-5120. Nos finais de semana, pontos facultativos, feriados e no período noturno (das 18 às 8 horas), pode acionar o telefone de plantão (18) 99794-1677.

Assessoria PMA
+ VEJA TAMBÉM