13 de Agosto de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Irmã de Iracema Barbosa também morre com COVID-19

Iraci teve contato com a irmã no dia em que ela deu entrada na UTI

Após 11 dias do falecimento de Iracema Barbosa na cidade de Assis, por COVID-19, neste sábado, 25 de julho, a irmã Iraci Barbosa, de 62 anos, morreu no Hospital Regional de Jaú.

Segundo Jonathas Pereira, a tia de sua esposa estava em Assis quando sua sogra Iracema passou mal e foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com suspeita de coronavírus. "Quando levamos minha sogra para o Upa ela foi embora para Jaú e logo depois também testou positivo. As duas ficaram internadas no mesmo período; minha sogra em Assis e ela no Hospital Regional de Jaú, e hoje ela não resistiu”, explica.

divulgação - Iraci Barbosa, vítima do Coronavírus
Iraci Barbosa, vítima do Coronavírus


A mulher testou positivo no dia 2 de julho e após isso já deu entrada no Hospital, onde permaneceu por todo o tempo.

Iraci morou muitos anos em Assis, e trabalhou até 1998 na Usina Nova América.

"Infelizmente em menos de 15 dias perdemos duas pessoas muito especiais para nós", lamenta o rapaz.

divulgação - Iraci e Iracema Barbosa, duas vítimas de COVID-19
Iraci e Iracema Barbosa, duas vítimas de COVID-19


Iraci deixa 4 filhas e 10 netos e será sepultada na cidade de Itapuí.

Relembre

Iracema Barbosa foi a 16° morte contabilizada em Assis. Ela estava internada na UTI do Hospital Regional e morreu no dia 14 de julho.

Ela era moradora do bairro rural Água da Pinga e deixou três filhos.

Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM