04 de Dezembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Morador de Assis procura irmãos que não vê há 63 anos

José Anselmo da Silva perdeu o contato com a família quando se mudou para Assis

A saudade bateu na porta do coração de José Anselmo da Silva, de 84 anos, natural de Murici, Alagoas, morador de Assis. Como desejo, já com idade avançada, ele ainda tem esperança de encontrar seus irmãos que não vê há 63 anos. Seu filho, Laelso Anselmo da Silva, assim como seus irmãos, está totalmente disposto a realizar o sonho do pai e dá várias informações sobre a família do pai, que saiu de Branquinha, em Alagoas no ano de 1957, e veio para o Estado de São Paulo em busca de melhores condições de vida.

Os irmãos que José Anselmo quer encontrar são Elpídio Anselmo da Silva, Benício Anselmo da Silva, Antonio Anselmo da Silva, Olival Anselmo da Silva e Felícia Anselmo da Silva.

Segundo seu filho, José Anselmo mudou-se para Assis, trabalhou em diversas empresas, depois se mudou para Sertaneja no Paraná, para trabalhar na colheita de algodão. Nesta época ele tentou entrar em contato com a família através de cartas, mas tinha muita dificuldade e mal sabia ler e escrever. Mesmo assim, o contato foi mantido até que, anos depois, não houve mais a troca de correspondência e perderam o contato.

"Nos anos seguintes que tinha saído de Branquinha, meu pai trocava cartas com o pai e os irmãos, mas em 1962 teve uma grande enchente em Branquinha e acreditamos que este foi o motivo da família não responder mais suas cartas, e então perdeu o contato com a família”, conta.

divulgação - José Anselmo da Silva, 84 anos
José Anselmo da Silva, 84 anos


"Ele se casou com minha mãe Abigail Aparecida e teve sete filhos, dos quais dois já são falecidos, e em todos esses anos sempre alimentou a esperança de reencontrar sua família e há alguns anos voltou a morar em Assis”, relata.

Laelso explica que em 2017 José Anselmo retornou duas vezes para a cidade de Branquinha em busca da família. "Na primeira viagem ninguém soube dar informações sobre os familiares de meu pai. Os vizinhos de sua antiga casa souberam dizer apenas que logo após sua saída da casa, seus familiares foram se mudando aos poucos até que não restou mais ninguém no local. Foram feitas algumas tentativas nos órgãos públicos, como no CRAS que disponibilizou um serviço móvel de som, que percorreu toda a cidade, mas não tivemos qualquer resultado positivo. Também foram feitas tentativas nas rádios locais, sem sucesso”, lamenta.

Quem tiver informações sobre os familiares de seu José Anselmo pode entrar em contato com seu filho Laelso pelo número de telefone (11) 95204-3997.

Veja o vídeo que a família publicou:



divulgação - José Anselmo perdeu contato com a família quando se mudou para Assis
José Anselmo perdeu contato com a família quando se mudou para Assis

Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM