29 de Setembro de 2022
20º/30º
Notícias - Região

Governo do Estado destina mais de R$ 2 milhões para construção de ponte na Roseta

Ponte foi interditada e moradores do Distrito reclamam de abandono

Na tarde desta quarta-feira, 21 de setembro, a Defesa Civil interditou a ponte da estrada de acesso ao distrito de Roseta, que foi fortemente danificada pelas chuvas dos últimos dias.

Sem data prevista para a reabertura da ponte, os moradores precisam fazer uma rota alternativa via Distrito Cardoso de Almeida para irem a Paraguaçu Paulista, tornando o caminho mais longo e demorado.

Segundo moradores e a vereadora Delmira de Moraes, os problemas causados pela ponte parecem estar chegando ao fim, depois de terem ocorrido muitos acidentes no local.

Divulgação - Buracos na ponte - Foto: Divulgação
Buracos na ponte - Foto: Divulgação


Isso porque depois de uma indicação da vereadora, segundo ela informou ao Portal AssisCity, o Governo do Estado destinou "um recurso de mais de R$ 2 milhões para a construção de uma nova ponte na Roseta, já com obra licitada e com início previsto para depois das eleições, segundo informou o prefeito".

A moradora de Roseta, Bianca Oliveira de 26 anos, em entrevista ao Portal AssisCity, contou um pouco sobre o que tem vivido ao longo dos anos.

"Quando se fala em Roseta, as pessoas logo perguntam: e a ponte lá já arrumaram? São anos e anos sofrendo com as condições dessa ponte e lutando com a prefeitura para que façam uma nova", reclama a moradora, que também elogia e agradece às indicações da vereadora Delmira de Moraes.

Bianca reclama ainda que o Distrito está esquecido há anos, sem investimentos. "Estamos cientes de que foram realizadas várias indicações e depois de anos, finalmente foi aprovada a construção da nova ponte. Mas é uma pena os moradores terem sidos esquecidos tanto tempo, por algumas autoridades," completa.

Divulgação - A ponte foi construída em 1980 e atualmente está condenada - Foto: Divulgação
A ponte foi construída em 1980 e atualmente está condenada - Foto: Divulgação


Outra moradora de Roseta, Josiane, espera que as promessas sejam cumpridas e o problema seja resolvido. "Desde muito tempo nós moradores estamos reivindicando e pedindo pelo município, depois de danificar mais a ponte, espero que agora arrumem, pois vamos cair em cima para cobrar e temos apoiadores fortes, lutando pela região. Agora queremos atitudes".

Divulgação - Ponte interditada na quarta-feira, 21 de setembro - Foto: Divulgação
Ponte interditada na quarta-feira, 21 de setembro - Foto: Divulgação


Nota de esclarecimento

O Portal AssisCity entrou em contato com a Prefeitura de Paraguaçu, que emitiu a seguinte nota:

"A ponte foi construída da década de 1980, conta com apenas uma faixa de rodagem, permitindo a passagem de um veículo de cada vez, o problema já é uma preocupação antiga da população.
Feita de concreto armado e já apresentando pontos de corrosão, a ponte será demolida e o investimento passará dos R$ 2 milhões de reais, a nova construção contará com duas faixas de trânsito.
Essa obra trará inúmeros benefícios, sobretudo para os moradores do distrito da Roseta, oferecendo mais segurança e tranquilidade para quem passa diariamente por aquele trecho.
O processo licitatório para a construção da nova ponte já aconteceu, no entanto estamos aguardando seu início, que devido a impedimentos legais do período eleitoral ainda não podem ocorrer, mas a previsão é de que ela se inicie no mês de novembro.
Até o momento não há previsão de liberação do trecho, mas a prefeitura está empenhada com um grupo de trabalho, para traçar estratégias que possam minimizar esses desconfortos até que as obras se iniciem", diz nota.

Veja o vídeo:


Redação AssisCity
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM