04 de Dezembro de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Mulher é multada em R$ 6 mil por maus-tratos e morte de cachorro, em Presidente Prudente

Animal chegou a ser resgatado e levado a uma clínica veterinária para atendimento, mas não resistiu. Caso foi na Vila Líder.

Uma mulher de 23 anos recebeu uma multa de R$ 6 mil por maus-tratos e morte de um cachorro, em Presidente Prudente (SP). O caso foi registrado pela Polícia Militar Ambiental nesta terça-feira (19).

Uma equipe da Polícia Ambiental foi até uma residência, na Vila Líder, para prestar apoio ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) sobre uma denúncia de maus-tratos de animal doméstico.

Mulher é multada em R$ 6 mil por maus-tratos e morte de carro, em Presidente Prudente
Mulher é multada em R$ 6 mil por maus-tratos e morte de carro, em Presidente Prudente


No local, foi constatado que havia um cão de raça não definida apresentando vários espasmos. O animal foi resgatado e levado a uma clínica veterinária para atendimento. Porém, ao chegar à clínica, o cachorro já havia entrado em óbito.

Posteriormente, foi constatado por médico veterinário que a morte foi decorrente de cinomose, uma doença altamente contagiosa causada pelo chamado "vírus da esgana canina".

A equipe policial localizou a tutora do cachorro, uma mulher de 23 anos, que informou que passava por problemas pessoais e não estava ficando em sua residência, pedindo a um conhecido que fosse alimentar e cuidar do animal.

Contudo, os vizinhos disseram à polícia que eles estariam dando comida e água ao cachorro por não aparecer ninguém no local.

Diante de tais constatações, a envolvida foi conduzida à Delegacia Participativa da Polícia Civil para prestar esclarecimentos.

Em desfavor da mulher, foi lavrado, por parte do policiamento ambiental, um auto de infração ambiental no valor de R$ 6 mil por maus tratos a animal doméstico. A corporação ressaltou que a multa foi em dobro devido à morte do cachorro.
Portal G1
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM