24 de Novembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Para Luis Gustavo, prefeito eleito de Palmital, o momento é de união e conciliação

Ele fala da escolha dos secretários e diz que jovens podem ser indicados

Nessa quarta, o Portal AssisCity e a Rádio Difusora deram continuidade às entrevistas com prefeitos eleitos às prefeituras da região. Com o professor Elielton do Portal AssisCity e Gerônimo Paes da Rádio Difusora, a jornada recebeu Luís Gustavo de Palmital.

Luis Gustavo, PSDB, tem sentimento de gratidão pela população e todos os envolvidos em sua campanha. Ele parabeniza os vereadores eleitos, prega que o momento é de união e deixa como mensagem o diálogo e a conciliação. Aos trinta anos, será um dos prefeitos mais jovens do Brasil e o mais novo a governar Palmital.

Ele conta que o momento de pré-campanha foi importante por ter conseguido apresentar seu nome à população e que a figura de um jovem chamou a atenção. Afirma que carrega com muita responsabilidade a figura de sua mãe, ex-prefeita, e que os eleitores reconheceram o trabalho por ela realizado.

Divulgação - Luis Gustavo, prefeito eleito de Palmital
Luis Gustavo, prefeito eleito de Palmital


O prefeito eleito explica que a preparação de seu plano de governo envolveu a participação de muitos representantes dos setores da sociedade. "A gente tentou colocar o máximo de pessoas envolvidas nas áreas", conta.

Ele exemplifica que para a elaboração do plano a Educação reuniu em torno de quarenta pessoas. "Isso foi muito importante para você levantar o nome", considera. Para ele, foram levantadas as bandeiras do diálogo, do pano de governo participativo e a renovação.

Luís afirma que o seu discurso é de conciliação e que não irá governar apenas para os seus eleitores. "Chega de divisões políticas. Nós temos que olhar pela população de uma forma que vai ser contemplado a todos, independente de quem votou em nós ou em outro candidato", explica.

Luís conta que no momento não possui definição sobre nomes para seu secretariado e que está em processo de estudo. Ele garante que irá prezar pela competência e capacidade para a escolha dos ocupantes das pastas e reconhece que jovens podem ser indicados como secretários. Ele pondera que independentemente da idade, o escolhido deve demonstrar maturidade, segurança e competência.

Divulgação


O prefeito eleito comenta que não projeta aumentar o número de secretarias e que necessita realizar um governo de transição muito bem feito, identificando a situação orçamentária e que irá informar a população a maneira como receberá a população. Ele espera que o atual prefeito faça uma transição amigável.

Luís Gustavo acredita que políticos tradicionais, que não se reelegeram, podem deixar a vida pública de maneira definitiva. "A nossa vitória no dia 15, acredito que possa ter sido capaz de ter virado uma página na história política de Palmital. Novos jovens irão ter a mesma coragem que eu tive, de se lançar na política e isso é muito importante", explica. Ele afirma respeitar os políticos tradicionais, mas, acredita em renovação.

Gustavo afirma que buscará uma transição com excelência passando transparência para a população e que irá ouvir os munícipes para minimizar a chance de erro.

A série de entrevistas continua nessa quinta-feira com Duda, prefeito reeleito de Florínea.
Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM