15 de Outubro de 2021
20º/30º
Notícias - Saúde

Assis orienta não escolher marca da vacina enquanto outras cidades adotam medidas mais drásticas

Entre as medidas adotadas por outros municípios está voltar para o fim da fila

Prefeitura de Assis orienta a população em geral, que se encontra na faixa etária ou grupos especiais em tempo de se vacinarem a não escolherem a marca da vacina contra a COVID-19.

Diferentemente de Assis, que segue no sentido de orientar a população a não recusar determinada marca do imunizante, muitos municípios do Estado de São Paulo já adotaram medidas mais drásticas contra os apelidados de "sommeliers" de vacina.

Na maioria das cidades, inclusive a vizinha Tarumã, Jaú, Botucatu, São Caetano do Sul, Jales, Urupês, São José do Rio Preto, entre outras, se a pessoa recusar determinada marca de vacina, ela deve assinar um termo de recusa, indo para o fim da fila, ou seja, só será vacinada depois que todos receberem a dose do imunizante, na repescagem. Outra medida também adotada é o bloqueio da pessoa no sistema.

A equipe da Saúde da Prefeitura de Assis informa que todas as marcas de vacina são autorizadas pela ANVISA e as remessas são entregues para atender o público alvo autorizado a se imunizar naquele período.

Assim, mediante especulação de qual vacina está sendo aplicada ou será aplicada no dia seguinte, e mediante as recusas na hora da vacinação, em função da marca da vacina, situação já vivenciada em Assis https://www.assiscity.com/?b=111147, o cidadão é orientado a não recusar o imunizante ofertado.

Para que os efeitos da recusa sejam vencidos, a Prefeitura lançou a campanha "Sabe qual vacina vai ter amanhã? A que salva vidas".

Divulgação

Redação AssisCity
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM