Buscar no site

Polícia Civil de Palmital investiga caso de falso advogado na cidade

Indivíduo suspeito de exercício ilegal da profissão é alvo de busca e apreensão realizada pela Polícia Civil

Redação AssisCity

  • 24/05/23
  • 17:00
  • Atualizado há 59 semanas

Nesta quarta-feira, 24 de maio, a Polícia Civil de Palmital, realizou uma operação para combater um caso de exercício ilegal da profissão de advogado. O alvo da ação policial foi um homem de 47 anos que se apresentava como advogado especializado na área previdenciária, mas que não possuía a devida habilitação para exercer a profissão.

Após a obtenção de informações e indícios sobre a atuação irregular do suspeito, a Polícia Civil solicitou e obteve um mandado de busca e apreensão para o escritório do falso advogado. O objetivo da operação era encontrar provas e documentos que confirmassem a prática ilegal.

Durante a busca e apreensão realizada no escritório do averiguado, os policiais encontraram uma série de documentos que evidenciavam a atuação indevida como advogado. Esses documentos serão submetidos a uma análise minuciosa pela Polícia Civil, a fim de identificar possíveis vítimas e avaliar a extensão dos danos causados pelo falso advogado.

Após a conclusão do procedimento investigatório, o suspeito deverá responder pela contravenção penal de exercício ilegal da profissão, além de outros delitos que possam ser identificados durante a análise dos documentos apreendidos.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Mais lidas
Ver todas as notícias locais