Buscar no site

1º Fórum para retomada da rede do Programa Pétala é realizado no Hospital Regional de Assis

Programa é uma rede de apoio às vítimas de violência sexual

Assessoria de Comunicação

  • 10/10/23
  • 11:00
  • Atualizado há 40 semanas

Na manhã desta segunda-feira, 9 de outubro, representantes de diversos órgãos de saúde, poderes executivo, legislativo e judiciário, bem como de proteção e atendimento às pessoas em vulnerabilidade social se reuniram no Hospital Regional de Assis para discutir a retomada do Programa Pétala, uma rede de atendimento integrado às vítimas de violência sexual.

A pauta central deste I Forum foi a necessidade da retomada do Programa de firma ampliada e organizada, que representa uma estrutura fundamental na assistência às vítimas assistidas.

A Profª Drª Telma Gonçalves Carneiro Spera de Andrade, Diretora Técnica do Hospital Regional de Assis, idealizadora do evento com sua equipe, fez a abertura conclamando a todos para que, juntos, possam retomar, com maior amplitude, o Programa Pétala, que sempre foi reconhecido por sua abordagem integrada e humanizada no atendimento às vítimas de violência sexual. Sua reinserção na região representa um passo significativo na proteção dos direitos das pessoas vulneráveis.

Na sequência o Promotor Dr. Luis Fernando Rocha fez uma abordagem impactante sobre o tema, seguido pela Enfermeira Adriana que apresentou os dados regionais atinentes aos casos de violência sexual.

Durante a reunião, foram debatidos os diferentes aspectos relacionados ao tema, com oportunidade para a manifestação de todos os presentes. Ficou decidido a formação de um comitê visando a organização de fluxos, estratégias de capacitação e envolvimento dos 25 municípios que fazem parte da abrangência do HRA.

A reunião foi marcada por um clima de cooperação e determinação, sinalizando um compromisso firme em proporcionar um ambiente seguro e acolhedor para as vítimas de violência sexual em Assis e região.

O encontro reuniu uma gama diversificada de representantes de órgãos de proteção e atendimento, destacando-se a presença de Flávia Vernaschi Lima, representante do DRS-IX de Marília, Viviane Del Massa, Presidente da Câmara Municipal de Assis, Magali Aparecida Belotti da DRS-IX de Marília, Adriana Carla Sprícido Nogueira do GVE XIII de Assis, prefeitos Oscar Gozzi (Tarumã) e Eraldo José Nogueira (Cândido Mota), profissionais de Espírito Santo do Turvo, gestores municipais e representantes da Atenção Básica. O Poder Judiciario foi representado pela Drª Mônica Tucunduva, juíza da Vara da Família e Sucessões de Assis, e os promotores Drs. Luis Fernando Rocha, Renata G. Gomes e Weslei Ciciliato.

Além disso, a Delegacia de Polícia foi representada pela Dra. Raquel S. Oliveira e a Escrivã Silvileni Valeze, enquanto o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente foi representado pela Presidente Vanislene Guiotti. A Coordadora de Captação de Recursos e Qualidade Hospitalar da Santa Casa de Assis Amanda Mailio Santana e diversos profissionais da área de saúde do Hospital Regional de Assis também participaram, juntamente com a representante do Instituto Médico Legal (IML), Raquel C.P.S. Gomes, e Daniel Lima da Silva, Presidente da ONG Braços Abertos.

A retomada do Programa Pétala representa um marco importante na promoção da justiça e no apoio às vítimas de violência sexual, demonstrando o comprometimento das autoridades e profissionais da área em proteger e cuidar daqueles que mais necessitam. A expectativa é que, em breve, o programa esteja plenamente operacional, cumprindo sua missão de proporcionar assistência integral e digna às vítimas de violência sexual.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Mais lidas
Ver todas as notícias locais