Buscar no site

Como proteger o bebê em dias de muito calor

Crianças pequenas sofrem com o calor excessivo e ainda precisam ser protegidas das famosas picadas de insetos típicas de verão

Assessoria de Imprensa

  • 09/11/23
  • 11:00
  • Atualizado há 35 semanas

O verão nem chegou e o calor já domina todo o País, mesmo nos locais onde há chuva. Tempo seco, tempo quente demais e fora de época, tempo abafado ou aquela pancada de chuva. Tudo isso junto significa um alerta aos pais: picadas de insetos! E elas surgem de vários animais, sendo o pernilongo o mais lembrado. O maior problema dessas picadas não é a coceira e a vermelhidão, e sim as doenças que podem ser transmitidas com elas, como a febre amarela, a dengue, zika, malária, chikungunya, entre outras.

Essas enfermidades são graves e podem até mesmo levar o infectado a óbito. Por isso, quando se fala nesse assunto, a preocupação com bebês fica ainda maior. Afinal de contas, eles ainda são pequenos, indefesos, criando ainda seu próprio sistema de defesa com a imunidade.

Encher as crianças de roupas, mesmo que a ideia seja protegê-las, não é a melhor solução. Como os bebês não falam, não podem reclamar do calor. Para mostrar que não estão satisfeitos com a situação... choram. E muitas famílias, com pais e mães de primeira viagem, demoram de entender os sinais que o filho dá, e podem interpretar um choro de incômodo de calor como se fosse sono ou fome, por exemplo.

7 dicas para ajudar o sono do bebê no calor

Existem algumas formas de ajudar o bebê a dormir melhor, inclusive em dias muito quentes. Conheça 7 sugestões:

Evite a entrada da luz solar direta no quarto da criança, com blackout nas janelas, por exemplo;

Na hora do sono, mantenha portas e janelas abertas, para ajudar na ventilação;

Crie uma rotina para o bebê, incluindo uma específica para a hora de dormir, com direito a um banho e massagem relaxante;

Utilize lençóis e roupas naturais, 100% algodão;

Deixe a criança com roupas leves e claras, como uma camiseta e a fralda ou um body;

Caso tenha ventilador de teto no quarto, não deixe o berço bem abaixo: opte por uma decoração com o berço um pouco mais longe da ventilação direta e, quando ligar, coloque na opção de circular no ar;

Com o aval do pediatra, use um difusor de vapor de água ou umidificador de ar no quarto do bebê.

Dica bônus: ajudinha extra

Deixar o bebê no colo, bebê-conforto ou carrinho também faz com que a sensação térmica aumente. Por isso, vale investir em acessórios que ajudem nesse momento. "Famílias com um recém-nascido em casa sempre gastam com os novos itens para preparar a casa para o mais novo membro. Por isso indicamos para esse momento do sono no calor um produto que seja multiuso, como nosso Mosquiteiro Portátil", indica Alexandre Santos, Diretor Executivo da Styll Baby.

O Mosquiteiro Portátil Styll oferece conforto e segurança para o sono ser mais tranquilo, tanto para o bebê, quanto para os pais. Com estampas divertidas, pode entreter o pequeno minutos após acordar da soneca, possui uma tela transparente para facilitar a visão e supervisão dos pais em todo o tempo e ainda malha fria acolchoada. Essa combinação de tecidos respiráveis mantém o ar circulando enquanto o bebê dorme, garantindo um alívio na temperatura.

"Acreditamos que nosso Mosquiteiro Portátil é um grande aliado nesses dias de calor intenso. Ele é o mais amplo do mercado, com mais de 1 metro de comprimento e 40cm de altura, ou seja, é um produto que pode ser utilizado bastante tempo", conta o profissional.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Mais lidas
Ver todas as notícias locais