04 de Dezembro de 2022
20º/30º
Entretenimento - Colunistas

O Brasil vai as urnas!

COLUNISTA - Professor Thiago Hernandes

O tão esperado dia 30/10/2022 está chegando. Muitas expectativas e torcidas envolverão o dia, afinal o exercício do voto é a representação das conquistas de um Estado Democrático de Direito.

Como em todo processo eleitoral, cada candidato busca por meio de seus corregionários e comitiva técnica propagar seus projetos. Todos apostam em suas qualidades e garantem poder fazer o melhor.

Até aí tudo bem.

Porém, neste ano o comportamento de muitos eleitores está chamando a atenção.

Atos de violência estão permeando as campanhas em diferentes localidades do país fazendo acender uma luz de preocupação.

Divulgação - Professor Thiago Hernandes - Foto: Divulgação
Professor Thiago Hernandes - Foto: Divulgação


Qual o motivo de tanta rivalidade? O que leva pessoas agirem com atos extremos ceifadando vidas? De que vale desentendimentos por intolerância entre amigos e familiares?

Vejo nisso tudo triste sinal de desequilibrio nas relações interpessoais, na fragilidade dos valores e das referências de vida em sociedade.

Votar é ato de expressão cuja liberdade de escolha não pode ferir ou extrapolar a esfera da dignidade, do respeito mútuo e da cidadania.

As pessoas parecem ter esquecido que por trás de cada eleitor há um pai, uma mãe, um filho, um amigo, com quem convivemos, nos apoiamos. Tudo que causar trauma e discórdia nessas relações afetará uma história de vida.

Não há necessidade disso. O universo está saturado de agressões e tem dado muitos sinais. O retrovisor da história nos faz lembrar dos horrores sofridos pela humanidade quando a prepotência e arrogância ocuparam o espaço do discernimento e equilíbrio.

No dia seguinte às eleições, cada um de nós retomará a vida como era antes. Os candidatos, sejam eles ganhadores e perdedores, também.

O dia 30/10 deve ser comemorado como dia de festa da democracia. Vale ser lembrado que por muitos anos o país vivenciou a dor da repressão e opressão. Muitos lutaram e outros perderam suas vidas para que dias como estes pudessem ser vivenciados com alegria, segurança.

Nada de imposições, ofensas e brigas tolas, desnecessárias, comportamentos "infantis e birrentos".

Devemos olhar o outro muito além do viés político.

O que ficará após a eleição?

Pense nisso.
Divulgação
Prof. Me. Thiago Hernandes
graduado e mestre em geografia, professor de ensino médio e ensino superior. Dono do canal no youtube, GEOEXPLICA
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM