Buscar no site

Asilo São Vicente de Paulo: Não basta ter formação, tem que ter coração

Ajude a construir uma história de amor na prática - Especial Assis 118 anos

Fernando Nascimento

  • 14/06/23
  • 11:00
  • Atualizado há 48 semanas

102/118

Série: Assis 118 anos

Hoje é dia de mais uma daquelas histórias de amor prático, que gostamos muito de mostrar aqui. Já dizia o Apóstolo Paulo, no famoso capítulo 13 da sua primeira carta à igreja de Corinto, que se "não tivesse amor, nada seria". Assim, tem sido o trabalho do Asilo São Vicente de Paulo de Assis. Baseado no amor.

A frase do título é um lema da equipe, e demonstra o quanto é mais importante amar do que apenas fazer. Um simples sorriso, ou sentar para conversar, ou mesmo um bom dia, são tão importantes quanto um atendimento prestado. Aliás, são coisas que se complementam.

Divulgação - Asilo São Vicente de Paulo: Não basta ter formação, tem que ter coração - Foto: Divulgação
Asilo São Vicente de Paulo: Não basta ter formação, tem que ter coração - Foto: Divulgação

Há 80 anos, em 1943 a Mitra Diocesana, representada pelo Bispo Dom Antônio José dos Santos, fez a doação de um terreno na Vila Boa Vista, para construção de um asilo. Oficialmente fundado em 10/01/1943, o Asilo São Vicente de Paulo tinha a finalidade de oferecer moradia gratuita a pessoas desvalidas e necessitadas.

No início, a diretoria foi formada por Dom Antônio e uma irmã superior ou mais irmãs, se necessário, com mandato de 5 anos. Em 08 de março de 1947, uma nova diretoria assumiu, tendo como presidente o Sr. Luiz de Souza Cardoso.

Divulgação - Asilo atual - Foto: Divulgação
Asilo atual - Foto: Divulgação

No mesmo ano, em 29 de abril, o Asilo São Vicente de Paulo foi legalmente constituído como Entidade Civil sem Fins Lucrativos de amparo à velhice desamparada. Alguns anos depois, em 1973, a Mitra Diocesana realizou nova doação de terreno, na Água do Matão, na zona rural de Assis, para a construção de novas instalações, e onde estão até hoje.

O ano de 2003 marcou o início de várias mudanças que ocorreram na entidade, principalmente com a promulgação da Lei 10.741, o chamado Estatuto do Idoso. A Diretoria que assumiu naquele ano ajudou a resgatar a credibilidade e transparência dos serviços prestados pela Instituição, no abrigamento de pessoas idosas em situação de vulnerabilidade pessoal e social.

Além do novo Estatuto da Pessoa Idosa (Lei 14.423/2022), o asilo também se enquadra nas determinações da Política Nacional de Atendimento ao Idoso e o Sistema Único de Assistência Social - SUAS.

O Asilo São Vicente de Paulo abriga pessoas idosas (acima de 60 anos), sem distinção de gênero, raça e crença, a maioria sem referência familiar e com algum tipo de comprometimento mental e/ou físico. Possui capacidade técnica máxima de cuidado para 42 internos, totalmente preenchida atualmente (20 mulheres e 22 homens). São fornecidos todos os cuidados necessários para o bem estar social, emocional, físico e nutricional dos abrigados.

Divulgação - Doações - Foto: Divulgação
Doações - Foto: Divulgação

Um trabalho marcante desenvolvido pelo asilo é o de fortalecimento dos vínculos familiares. As famílias dos residentes, além das visitas, participam ativamente dos eventos e do cotidiano da instituição, como uma forma de mostrar aos idosos que eles não estão abandonados. A presença de filhos, netos, sobrinhos, irmãos, entre outros faz com que todos fiquem supridos afetivamente, e traz um bem significativo para os "vovôs", com são carinhosamente chamados.

Longe de ser um depósito de idosos, o Asilo São Vicente de Paulo oferece um acompanhamento que, na maioria das vezes, não poderia ser fornecido pelos familiares. E possibilita que os idosos tenham total dignidade nesta fase de suas vidas.

Divulgação - Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A equipe possui 36 colaboradores: gestor asilar, assistente social, psicóloga, enfermeira, nutricionista. auxiliares de enfermagem, cuidadores, lavadeiras, faxineiras, cozinheiras, auxiliar de cozinha, auxiliares de manutenção predial, auxiliar administrativo, motoristas, mensageiros, operador e supervisor de telemarketing.

A Diretoria é composta por 6 membros eleitos, com mandato de dois anos. O Conselho Fiscal possui 3 membros, e todos são voluntários, sem receber qualquer tipo de remuneração.

O asilo já teve, inclusive organizada em forma de associação, uma equipe numerosa de voluntários, que prestavam todo o tipo de assistência para a entidade. Infelizmente, o grupo vem diminuindo gradativamente e, por muitas vezes, impossibilita que mais trabalhos sejam feitos. Por isso que a Letícia e o Ezequiel, funcionários da entidade, que nos receberam muito bem (obrigado!) convidam todos para conhecerem o asilo e, quem sabe, assumir algum tipo de atividade voluntária. Qualquer ajuda é bem vinda, e só fará bem a quem participar. A esperança é a formação de uma nova equipe de voluntários.

Como nas demais entidades do gênero, o asilo conta com a participação da pessoa idosa no custeio da entidade, com 70% de sua aposentadoria ou renda mensal. Mesmo assim, os custos são elevados e, para que seja mantido o alto padrão de atendimento, a entidade conta com o apoio da sociedade.

Divulgação - Asilo São Vicente de Paulo - Foto: Divulgação
Asilo São Vicente de Paulo - Foto: Divulgação

Você pode ajudar com doação de produtos de higiene, fraldas, leite e alimentos e também de serviços voluntários e doações financeiras (Pix 44.374.247/0001-43), ou pelos telefones 99806 5485, 99812 2103 ou 99813 5530, todos com DDD 18. O asilo também recebe verbas através de emendas parlamentares e toda a movimentação é auditada e aberta ao conhecimento de todos. As adequações exigidas pela legislação são custosas e, mais uma vez afirmamos, qualquer ajuda é extremamente importante.

Os eventos promovidos em prol do asilo também são constantes. Nos próximos meses, haverá feijoada, realizada pela Maçonaria, (08/07); Bazar Beneficente na Igreja da Vila Operária (15 e 16/07), mesmas datas do Pedal Solidário na FICAR; em 05/08, haverá o Bingo da UNIPLAN no Clube da 3ª idade, com venda de cartelas no asilo e, em 24/10, um leilão de gado.

Por fim, quem quiser fazer parte da equipe, pode contatar o asilo, de manhã pelo 18 99806-5285 e, à tarde, pelo 18 99699-3711.

Divulgação

Divulgação

Ajude a construir uma história de amor na prática.

Obrigado, Asilo São Vicente de Paulo

Receba nossas notícias em primeira mão!