Buscar no site

Caminhoneiros fazem paralisação na região pelo 6º dia

Manifestantes fazem ato em mais de 20 cidades da região neste sábado. Protesto segue pacífico e tráfego está liberado para veículos pequenos.

G1

  • 26/05/18
  • 17:00
  • Atualizado há 317 semanas

Caminhoneiros continuam paralisados em mais de 20 pontos na região de Bauru neste sábado (26). A mobilização é contra a alta do óleo diesel e segue pelo 6º dia consecutivo.

Com cartazes e faixas, a categoria pede a redução do valor do combustível, que tem tido altas consecutivas nas refinarias.

Na quinta-feira (24), uma reunião entre o governo e representantes de entidades de caminhoneiros terminou com uma proposta de um acordo para a suspensão da paralisação da categoria.

Porém, a sexta-feira (25) amanheceu com bloqueios em várias rodovias pelo país, o que fez o governo federal publicar um decreto, em edição extra do "Diário Oficial da União", autorizando o uso das Forças Armadas em todo o território nacional para desobstrução de vias.

Os protestos na região de Bauru seguem pacíficos e o tráfego está liberado para veículos pequenos.

Um dos pontos mais intensos é em Agudos. Mais de 400 caminhões, segundo os manifestantes, estão parados no quilômetro 317 da rodovia Marechal Rondon (SP-300).

Cândido Mota

Grupo de caminhoneiros está na rodovia Benedito Píres (SP-266), no km 442. Cerca de 40 caminhões estão parados no local.

Assis

Na cidade, a paralisação ocorre na rodovia Raposo Tavares, km 447. Há cerca de 100 caminhões na manhã deste sábado.

Paraguaçu Paulista

Na rodovia Homero Severo Lins (SP-284), no km 474, aproximadamente 40 caminhões estão parados no acostamento.

Marília

Cerca de 200 caminhões estão parados na rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333), no km 322.

Duartina

A entrada da cidade está bloqueada para caminhões, no km 380 da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294).

Cabrália Paulista

Grupo de caminhoneiros se concentra na SP-293, em Cabrália Paulista, acesso a Duartina.

Gália

Cerca de 40 caminhões estão parados na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), no km 401.

Ourinhos

Manifestações ocorrem em três pontos da cidade: nas rodovias Raposo Tavares e Melo Peixoto, e no Distrito Industrial II. Em cada local tem cerca de 30 caminhões.

Santa Cruz do Rio Pardo

Caminhoneiros estão parados na rodovia João Batista Cabral Renó. São cerca de 150 caminhões.

Tupã

No km 529 da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em torno de 200 caminhões estão estacionados às margens da rodovia. O grupo está na entrada da cidade e recebe apoio de agricultores com tratores.

Echaporã

Aproximadamente 30 caminhões estão estacionados no acostamento da rodovia Rachid Rayes (SP-333), km 268. Agricultores apoiam com maquinas agricolas.

Oscar Bressane

Na rodovia José Bassil Dower (SP- 421), no km 17, grupo de caminhoneiros estão parados no acostamento.

Itápolis

Protesto começou na manhã de sexta-feira e continua neste sábado no quilômetro 19 da rodovia Prof. Maurício Antunes Ferraz (SP-317).

Bariri

O protesto é realizado no trevo principal de Bariri, logo na entrada da cidade na rodovia Deputado Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304).

Lins

Caminhoneiros em greve estão no quilômetro 439 da rodovia Marechal Rondon (SP-300). Segundo os manifestantes, cerca de 200 caminhões estão participando do movimento.

Pederneiras

Manifestantes se concentram no quilômetro 220 da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-255), no sentido Jaú-Pederneiras.

Agudos

Protesto no quilômetro 317 da rodovia Marechal Rondon (SP-300). Segundo os manifestantes, mais de 400 caminhões estão parados às margens da rodovia, na entrada da cidade.

Paulistânia

Na cidade, a manifestação ocorre na SP-225, rodovia que liga Bauru a Ipaussu.

Ibitinga

Grupo de caminhoneiros estão no quilômetro 377 da rodovia Deputado Leônidas Pacheco (SP-304). Outro protesto também na SP-331, no quilômetro 51.

Jaú

Em Jaú, há dois pontos de protestos. Um no quilômetro 359 da rodovia Deputado Leônidas Pacheco (SP-304). Há outro grupo no quiômetro 350, também na SP-304.

Igaraçu do Tietê

Em Igaraçu do Tietê, manifestantes se concentram no quilômetro 180 da SP-255.

Torrinha

Segundo a Polícia Rodoviária, caminhoneiros fazem um protesto no quilômetro 19 da SP-197.

Botucatu

Um grupo de manifestantes está entre os quilômetros 19 e 20 na rodovia João Hipólito Martins (SP-209).

Ubirajara

Em Ubirajara, há protesto na rodovia Antônio João Garbulho (SP-315).

Lucianópolis

Um grupo de caminhoneiros faz um protesto na entrada do bairro Ribeirão Bonito, próximo a rodovia Antônio João Garbulho (SP-315).

Gália

Cerca de 40 caminhões estão estacionados no acostamento do quilômetro 401 da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294).

Caminhoneiros fazem protesto em Itápolis (Foto: Arquivo Pessoal)

Receba nossas notícias em primeira mão!

Colunistas Blog Podcast
Ver todos os artigos