Buscar no site

Consema debate ampliação da Estação Ecológica e da Floresta Estadual de Assis em audiência pública especial

Encontro foi realizado nesta quinta-feira, dia 14, no Salão de Atos da UNESP de Assis

Assessoria de Comunicação

  • 15/09/23
  • 14:00
  • Atualizado há 40 semanas

O Salão de Atos do Campus da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de Assis recebeu nesta quinta-feira, dia 14 de setembro, a Audiência Pública do Conselho Estadual do Meio Ambiente (Consema). Em pauta, estiveram a ampliação da Floresta Estadual e da Estação Ecológica de Assis, que serão aumentadas com apoio de recursos de compensação ambiental pela construção das Usinas Hidrelétricas de Canoas I e Canoas II. A audiência será aberta para o público em geral, que poderá tirar todas as dúvidas.

A audiência acontece na semana de celebração ao Cerrado, data comemorada nacionalmente em 11 de setembro, e reforça o compromisso das duas Unidades de Conservação com a preservação desse bioma tão importante, que corresponde a 10% de áreas de Cerrado protegidas em UCs (e a única na região) de São Paulo. As duas glebas de terra que serão doadas foram adquiridas pela Companhia Brasileira de Alumínio e repassadas ao patrimônio imobiliário do estado de São Paulo. Com isso, a área da Estação Ecológica será ampliada em 111,9371 hectares e da Floresta Estadual em 121,00 hectares.

A ampliação da Estação Ecológica se fará em parte da Fazenda Santo Ambrósio, que se encontra totalmente coberta por vegetação nativa, composta por cerradão, floresta estacional semidecidual e vegetação de transição entre estas duas fisionomias. Conhecida pela população assisense como "matas dos Ambrósio", a região compõe o maior fragmento de vegetação nativa do município ainda não protegido oficialmente. Sua inclusão na Estação Ecológica garantirá, com perpetuidade, a proteção da fauna e flora, a realização de pesquisas científicas e execução de atividades de educação ambiental.

Divulgação - Consema debate ampliação da Estação Ecológica e da Floresta Estadual de Assis em audiência pública especial - FOTO: Divulgação
Consema debate ampliação da Estação Ecológica e da Floresta Estadual de Assis em audiência pública especial - FOTO: Divulgação

A gleba de ampliação da Floresta Estadual compunha o Sítio Paraiso, anteriormente propriedade da família Vêncio, onde se desenvolviam atividades de agricultura e pecuária. Desde que foi adquirida pela Companhia Brasileira de Alumínio, a equipe da Floresta iniciou plantios de espécies nativas destinadas a restaurar o cerradão ali existente e a desenvolver projetos de pesquisa que tratam de desenvolvimento de modelos de reflorestamento com espécies nativas do Cerrado de interesse comercial, de sistemas de restauração da vegetação natural, do entendimento dos processos de fixação (sequestro) de carbono e sobre a fauna local. Esta gleba situa-se muito próxima do ponto de captação de água de abastecimento público e certamente contribuirá para a sustentabilidade do abastecimento da população assisense.

O próximo passo para a formalização da ampliação será a realização de uma audiência pública na qual a comunidade assisense irá opinar sobre o assunto e apresentar suas sugestões para os melhores usos e gerenciamento das áreas.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Colunistas Blog Podcast
Ver todos os artigos