Buscar no site

Homem furta carga em Tarumã, foge para Assis e morre durante ação policial no Parque Colinas

A abordagem do autores do crime foi feita na Rua Clarindo Gomes Alvarez; um homem foi morto e segue sem identificação

Redação AssisCity

  • 01/04/24
  • 09:00
  • Atualizado há 1 semana

Atualização - Inclusão de Informações - 1º de abril, às 11h20.

Na madrugada desta segunda-feira, 1º de abril, a Polícia Militar entrou em confronto com um homem, sem identidade divulgada, suspeito de furtar uma carga de caminhão em Tarumã e fugir para Assis.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe foi acionada via COPOM pelo proprietário do semi-reboque, que alegou que três criminosos teriam furtado a carga com um trator vermelho em Tarumã. A equipe localizou o veículo no Km 314, e começou a acompanhar.

Após isso, o veículo entrou no bairro Parque Colinas em Assis, e na Rua Clarindo Gomes Alvarez, os três indivíduos desceram e começaram a atirar contra os policiais, que para se defenderem atiraram de volta, acertando um deles, que veio a óbito no local.

Os outros dois suspeitos fugiram pelo bairro e ainda não foram localizados.

De acordo com o boletim de ocorrência divulgado pela Polícia Militar ainda durante esta manhã, foram apreendidos no local vestígios de arma de fogo, munições, aparelhos de telefonia celular e placas de veículos automotores.

No local, também foram identificadas algumas câmeras de segurança instaladas em imóveis vizinhos, as imagens e respectivo áudio de um dos endereços foram solicitadas e uma moradora de uma casa vizinha foi ouvida como testemunha.

Depois que o trabalho pericial foi finalizado, os policiais militares que realizaram os disparos de arma de fogo que ocasionaram a morte do suspeito, presentes no Plantão Policial, espontaneamente apresentaram o armamento utilizado para submissão a exame pericial. No entanto, com fundamento nas disposições do artigo 14-A do Código de Processo Penal, reservaram-se ao direito de serem ouvidos após regular intimação e constituição de advogado.

O Portal AssisCity segue acompanhando o caso.

Matéria em atualização.

Receba nossas notícias em primeira mão!