Buscar no site

Criança de 6 anos morre em Marília após se asfixiar com bexiga

Menina foi levada de Vera Cruz para o Hospital das Clínicas em Marília onde foram feitas as manobras de ressuscitação, mas a criança não resistiu.

Redação TupãCity

  • 13/03/23
  • 08:00
  • Atualizado há 56 semanas

Uma menina de seis anos morreu na noite de sexta-feira (10) após se engasgar com uma bexiga. O caso aconteceu na cidade de Vera Cruz, que fica a 17 quilômetros de Marília,

De acordo com a Polícia Civil, a menina chegou a ser levada para o Hospital das Clínicas em Marília, onde foram feitas as manobras de ressuscitação, mas a criança não resistiu. Segundo as informações do site Marília Notícia, a Polícia Civil de Vera Cruz vai instaurar inquérito para apurar as circunstâncias e eventuais responsabilidades ou omissão.

Menina de 6 anos morre em Marília após se asfixiar com bexiga/Foto: Redes sociais
Menina de 6 anos morre em Marília após se asfixiar com bexiga/Foto: Redes sociais

Orientações do Ministério da Saúde

A asfixia por engasgo ou sufocamento, como também é chamada, é frequentemente observada durante a primeira infância, uma vez que crianças menores de quatro anos têm por hábito levar objetos à boca como forma de reconhecimento. A ocorrência pode ser fatal e gera preocupação em pais e responsáveis, mas medidas simples podem prevenir acidentes.

Engasgo por alimento

- Corte os alimentos em pedaços pequenos ao oferecer à criança;

- Não ofereça alimentos redondos e duros, como uvas, pipoca, cenoura crua e nozes;

- Ensine a criança a mastigar;

- Ensine a criança a comer sentada e com a boca fechada, isso evita que ela tente falar e comer ao mesmo tempo.

Engasgo com brinquedos

- Ao escolher brinquedos para uma criança, considere a idade, interesse e nível de habilidade; siga as recomendações do fabricante e procure opções com selo do Inmetro;

- Inspecione regularmente os brinquedos à procura de danos que podem resultar em algum acidente enquanto a criança os manuseia;

- Evite utilizar balões de látex (bexigas). Se precisar utilizá-los, guarde fora do alcance da criança e a supervisione durante toda a brincadeira;

- Mantenha brinquedos pequenos longe do alcance de crianças menores de 4 anos: bolinha de gude, brinquedos com peças pequenas, bolas pequenas e outros.

Ambiente doméstico

- Mantenha o piso livre de objetos pequenos como botões, colares, moedas, tachinhas etc. Esses itens devem estar longe do alcance das crianças;

- Sacolas plásticas também devem ficar longe do alcance;

- Fique atento às crianças maiores. Muitos acidentes ocorrem quando irmãos ou irmãs oferecem objetos/alimentos para os menores.

Cuidados na primeira infância

Durante a primeira semana de dezembro, o Ministério da Saúde divulga uma série de conteúdos sobre cuidados específicos na primeira infância, momento que contempla a faixa etária de zero a seis anos de idade. Acompanhe.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Veja também
Ver todas as notícias