Buscar no site

Polícia Civil prende bandidos que fizeram família refém e roubaram comerciante em Bastos

Os presos ostentam periculosidade e já registravam antecedentes criminais por homicídio, furto, roubo, estelionato, associação criminosa, corrupção de menores, entre outros crimes

Redação TupãCity com informações Bastos Já

  • 25/04/23
  • 11:00
  • Atualizado há 55 semanas

A Polícia Civil prendeu em Garça na madrugada desta terça-feira (25) dois indivíduos acusados de roubar alta quantia em dinheiro e cheques de um comerciante de Bastos.

O crime ocorreu no dia 9 de abril e os bandidos reféns o comerciante, sua esposa, filhos e sobrinhos menores de idade. Em seguida, fugiram do local. Relembre o caso.

Segundo o delegado Sandro Resina Simões, da Delegacia de Polícia Civil de Bastos, logo que o crime foi registrado, os policiais iniciaram o trabalho de investigação.

A operação policial contou com apoio de policiais civis de cidades da região, que foram convocados pela Delegacia Seccional de Policia Civil, bem como dos policiais civis da cidade de Garça.

De acordo com o delegado, os autores, que têm respectivamente com 38 e 44 anos de idade, negaram qualquer envolvimento no crime e em seguida permaneceram calados para as demais indagações da autoridade policial.

"Os presos ostentam periculosidade e já registravam antecedentes criminais por homicídio, furto, roubo, estelionato, associação criminosa, corrupção de menores, porte ilegal de arma, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Pelo roubo praticado em Bastos poderão ser condenados à pena de até 16 anos de reclusão" adiantou Sandro Resina Simões.

Polícia Civil prende bandidos que fizeram família refém e roubaram comerciante em Bastos
Polícia Civil prende bandidos que fizeram família refém e roubaram comerciante em Bastos

Receba nossas notícias em primeira mão!