Buscar no site

"Minha filha é um milagre", diz mãe de adolescente atropelada, após menina receber alta da UTI

Maria Eduarda ficou 10 dias na UTI, após sofrer traumatismo craniano

Redação AssisCity

  • 11/03/23
  • 09:00
  • Atualizado há 63 semanas

Após 10 dias internada na UTI, Maria Eduarda de Oliveira Viana, de 15 anos, recebeu alta e foi levada para o quarto, onde segue em observação.

Sem correr risco de vida, a menina que foi atropelada no dia 1° de março, na rua Leonor em Assis, venceu a batalha, após ter sofrido um grave traumatismo craniano.

"A Duda é um milagre de Deus na minha vida e da minha família. Agradeço a todas as pessoas que oraram em prol da restituição da saúde da minha filha, só Deus pode pagar por isso. Deus Abençoe à todos", disse Adriana, mãe de Duda, emocionada.

Divulgação - Duda recebeu alta da UTI e está em recuperação - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Duda recebeu alta da UTI e está em recuperação - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Adriana explicou ao Portal AssisCity, que na quinta-feira, 9 de março, ela acordou. "Na sexta-feira, 10, foi tirada a sonda nasogástrica e já começou tomar líquido. Hoje ela já está no quarto, tomada banho e eu estou de acompanhante com ela, vou ficar de dia e o pai a noite, e logo ela poderá ir para a casa", pontuou.

O acidente

Segundo Adriana, Duda estaria em sua bicicleta, voltando da escola, na quarta-feira, 1° de março, por volta das 13h, e ao avançar a preferencial da Rua Leonor, em Assis, foi atingida bruscamente por um veículo, que desrespeito a sinalização.

Divulgação - Maria Eduarda de Oliveira Viana, 15 anos - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Maria Eduarda de Oliveira Viana, 15 anos - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Com o impacto da batida a adolescente foi arremessada e sofreu um traumatismo craniano.

Pedido de oração

Na tarde de quinta-feira, 2 de março, amigos e familiares de Maria Eduarda se reuniram na frente do Hospital Regional de Assis, para realizar uma corrente de oração pela vida da menina.

divulgação - Amigos e familiares se reuniram em frente ao Hospital Regional de Assis - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Amigos e familiares se reuniram em frente ao Hospital Regional de Assis - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Dezenas de pessoas estiveram presentes, entre amigos e familiares da adolescente.

Batalha pela vida

Após sete dias do acidente, o quadro de saúde de Maria Eduarda de Oliveira Viana, de 15 anos, começou a evoluir.

Segundo a mãe, Adriana, apesar do coágulo se manter controlado, ela acabou contraindo uma pneumonia. "No sexta-feira, 4 de março, ela foi desentubada, já que o quadro dela estava sob controle, mas no domingo, 5, de madrugada, teve uma complicação e precisou ser entubada novamente", explicou.

divulgação - Maria Eduarda de Oliveira Viana, 15 anos - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Maria Eduarda de Oliveira Viana, 15 anos - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Duda passou por novos exames e então foi constatada a pneumonia, que para prevenir complicações, fez a jovem sem entubada novamente.

Já na quarta-feira, 8 de março, Adriana contou ao Portal AssisCity que Duda estava sem sedativos, e que já conseguia perceber a presença da família nas visitas.

"Eu estive com ela e quando disse oi, ela apertou minha mão, meu irmão também esteve no hospital e ao ouvir a voz dele, lagrimas escorreram do olhinho dela, minha filha está sendo muito guerreira", disse emocionada, Adriana.

Receba nossas notícias em primeira mão!

Colunistas Blog Podcast
Ver todos os artigos