08 de Abril de 2020
17º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Funcionários de empresa em Bauru protestam contra expediente durante pandemia

Grupo alegou salas fechadas e mesas próximas entre os funcionários. Empresa afirma que as atividades serão interrompidas

Funcionários de uma empresa de call center de Bauru protestaram nesta sexta-feira (20) reivindicando mais ações para evitar a transmissão do coronavírus entre os funcionários.

Os protestos aconteceram em várias unidades das empresa, que conta no total com 10.500 colaboradores. O fato de trabalhar em salas fechadas e em mesas muito próximas motivou o protesto entre os funcionários.

Em nota, a empresa informou que está seguindo as normativas da Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde e Secretaria Municipal de Saúde.

Divulgação - Protestos aconteceram em várias unidades das empresa, que conta no total com 10.500 colaboradores
Protestos aconteceram em várias unidades das empresa, que conta no total com 10.500 colaboradores


Sobre o protesto, a empresa afirma que disponibilizou recursos, fez campanhas de conscientização sobre o contágio do coronavírus, liberou o grupo de risco e afastou colaboradores com sintomas de gripes e resfriados.

Ainda de acordo com a empresa, partir da próxima terça-feira (24), o funcionamento será interrompido conforme o decreto municipal.

G1
+ VEJA TAMBÉM