29 de Janeiro de 2023
20º/30º
Notícias - Região

Moradora de Cândido Mota, Irene Baldo, morre aos 71 anos

Ela estava internada no Hospital Universitário da UNIMAR (Universidade de Marília) e após passar por uma cirurgia ortopédica não resistiu.

Morreu na manhã desta segunda-feira, 10 de outubro, Irene Baldo, de 71 anos, moradora de Cândido Mota.

Ela estava internada no Hospital Universitário da UNIMAR (Universidade de Marília) e após passar por uma cirurgia ortopédica não resistiu.

"Minha mãe quebrou o pé duas vezes, no mesmo lugar e na segunda vez que aconteceu precisou passar por cirurgia. Após os procedimentos terem dado tudo certo, os médicos alertaram que a situação dela era delicada por ter uma idade avançada, além de ser diabética e hipertensa", conta a filha jornalista, Renata Baldo.

Divulgação - Irene Baldo, 71 anos - foto: divulgação
Irene Baldo, 71 anos - foto: divulgação


Logo que foi para a UTI o rim de Irene não evoluiu bem e precisou fazer sessões de hemodiálise.

"Tinha dado tudo certo, ela ficou nas mãos de ótimos profissionais pelo IAMSP (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadua) mas infelizmente hoje cedo ela acabou sofrendo duas paradas cardiorrespiratórias e não resistiu", destaca Renata.

A moradora de Cândido Mota atuou como agente de organização escolar (inspetora de alunos) por muitos anos, tanto na cidade em que nasceu como também em algumas escolas de Assis. Ela deixa a filha Renata Baldo, o neto Otávio e os irmãos Ivone baldo, Elisabeth, Rosangela e Wilson.

Irene será velada no Velório Municipal de Cândido Mota assim que chegar o corpo e o sepultamento foi marcado para terça-feira, 11, às 10h, no cemitério da mesma cidade.
Redação AssisCity
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM