20 de Janeiro de 2021
20º/30º
Notícias - Saúde

Estado de SP anuncia 12% a menos de repasse para a Santa Casa de Assis em meio à pandemia

A medida foi divulgada no Diário Oficial

Em meio à pandemia do novo Coronavírus o Governo do estado de São Paulo divulgou no Diário Oficial do dia 6 de janeiro que todas as Santas Casas do Estado terão um corte de 12% no repasse de recursos e a Santa Casa de Assis também será prejudicada com a decisão.

A Santa Casa de Assis atende atualmente 11 municípios da região e em nota o Hospital declarou que o corte nos repasses afetará a situação financeira. "Atualmente a Santa Casa de Assis vivencia um momento financeiro organizado, porém extremamente difícil, especialmente diante da pandemia. A busca pelo equilíbrio financeiro poderá ser prejudicada drasticamente diante da diminuição desse repasse", diz a nota.

A Organização Hospitalar Assisense atende baixa, média e alta complexidade e participa do Programa Pró Santa Casa, que possibilita um recurso financeiro a mais diante do déficit gerado pela defasada tabela SUS.

Números de 2020

A Santa Casa afirma em nota que no ano de 2020 mais de 60% dos seus atendimentos ocorreram pelo SUS: "No total no último ano, foram realizados pelo SUS 3.822 internações, 15.707 exames de imagem (ultrassom, raio-x e tomografia), 406.358 exames laboratoriais e 2.958 cirurgias; além do oferecimento de 81.307 refeições".

Pandemia

A Pandemia do novo Coronavírus fez com que a Santa Casa se destacasse ainda mais por oferecer 10 leitos de UTI SUS e 10 leitos de enfermaria SUS, exclusivos para pacientes com COVID-19.

"Este corte no repasse causará um grande e desastroso impacto às Santas Casas e demais hospitais filantrópicos, considerando que essas instituições vem há anos lutando para manter seus hospitais abertos, oferecendo um serviço de saúde de qualidade para todos", diz ainda a nota.

De acordo com a nota solicitada pelo Portal AssisCity, a instituição alerta que o corte dos repasses pode implicar na inviabilidade de continuidade dos atendimentos por parte destas Instituições.
Redação AssisCity
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM