15 de Outubro de 2019
17º/30º
ENTRETENIMENTO » COMPORTAMENTO

App anticoncepcional é acusado de causar 37 gestações indesejadas

A plataforma "Natural Cycles" é uma forma contraceptiva reconhecida por toda a União Europeia

Com o aumento do debate sobre os efeitos colaterais de métodos anticoncepcionais hormonais, muitas mulheres têm aderido a formas mais naturais de prevenir a gravidez. Tabelinha, chás e observação do período fértil viraram realidade. Por isso, os aplicativos se tornaram fortes aliados.

A plataforma "Natural Cycles" parecia a opção perfeita. Certificada como forma de contracepção pela União Europeia, o app conta com 700 mil usuários pelo mundo. Mas uma série de denúncias mostrou que o aplicativo não é tão confiável assim.

37 mulheres suecas foram a um hospital em Estocolmo para realizarem abortos (a prática é legal no país) após o aplicativo falhar em prevenir a gravidez delas.

"Nenhuma forma de contracepção é 100% eficaz e gestação indesejada é um risco infeliz em qualquer anticoncepcional. O Natural Cycles é 93% eficaz, o que deixamos avisado", disse um representante da plataforma.

O app usa informações oferecidas pela usuária, algoritmos e medições como temperatura corporal para determinar quando será o período fértil. O representante do Natural Cycles afirmou não estar surpreso com a quantidade de gestações, devido à popularidade da plataforma e a taxa de eficácia.

"Enquanto o uso do aplicativo crescer, também vai aumentar o número de gestações indesejadas vindas de usuárias do Natural Cycles, é uma realidade inegável", confirmou.

Metrópoles
+ VEJA TAMBÉM