16 de Julho de 2018
17º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Portal de Cândido Mota recebe laço e banner sobre prevenção contra hepatites virais

A cor amarela simboliza a campanha ‘Julho Amarelo’, que ressalta a importância da prevenção contra o vírus da hepatite

Mais uma vez o ‘Portal’ de entrada de Cândido Mota recebe o laço e o banner da prevenção.

Desta vez a cor amarela simbolizando o mês intitulado de ‘Julho Amarelo’ que ressalta a importância da prevenção contra o vírus da hepatite.

A iniciativa é da Secretaria municipal de Saúde de Cândido Mota, que usa o portal para instalar o laço mensal da prevenção, seguindo a chamada cor da saúde estipulada pelo Ministério da Saúde.

"Realizamos a instalação por vários meses de acordo com os temas da saúde com a intenção de alertar e mobilizar a população para a prevenção de doenças ou para dar visibilidade às lutas das pessoas doentes.

As cores marcam o mês como, por exemplo, agosto dourado com o aleitamento materno, o outubro rosa que representa a prevenção contra o câncer de colo do útero e de mama, o novembro azul contra o câncer de próstata e dezembro vermelho contra o vírus HIV – AIDS” frisou a secretária de Saúde Amanda Mailio Santana.

Segundo a secretária, várias ações serão realizadas durante no período de 16 a 28 de julho, quando a unidade central ficará aberta das 9 às 16 horas, priorizando a população alvo, isto é, acima de 40 anos.

"Além de palestra, as unidades de Saúde da cidade e as Estratégias Saúde da Família nos distritos realizarão durante o mês o teste rápido da Hepatite C e Vacinação contra a Hepatite B. Basta acompanhar o calendário de atendimento e comparecer na unidade mais próxima com a carteira de vacinação e cartão SUS. O diagnóstico precoce das doenças é fundamental para ampliar a eficácia do tratamento” falou Amanda Mailio.

O prefeito Roberto Bueno destacou a ação de orientação, prevenção e tratamento da doença. "A Hepatite é uma doença como dizem os profissionais da saúde, silenciosa e que pode passar anos sem se manifestar, por isso, o objetivo é conscientizar a população sobre a gravidade.

Muitas pessoas desconhecem a doença e suas formas de transmissão. Com isso, muitas vezes, são diagnosticadas tardiamente, dificultando o tratamento. O ideal é prevenir e tomar cuidados no início, pois fica mais fácil o tratamento” disse Roberto Bueno.

Confira onde e horário:
Unidade de Saúde Central: de segunda a sexta-feira das 15 às 16 horas; UBS São Judas: de segunda a sexta-feira das 8 às 12 horas; UBS Aeroporto: segunda e sexta-feira das 8 às 12 horas e terça, quarta e quinta-feira das 11 às 12 horas. Nas ESfs do Porto Almeida: terça e quinta-feira das 8 às 11 horas; Nova Alexandria: quinta-feira das 14 às 16 horas e Frutal do Campo: segunda, quarta e sexta-feira das 8 às 11 horas.
Caps de segunda a sexta-feira das 10 às 12 horas.


‘Julho Amarelo’ ressalta a importância da prevenção contra o vírus da hepatite


Redação AssisCity/Foto: Divulgação
+ VEJA TAMBÉM