26 de Maio de 2020
17º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Polícia Civil de Assis prende homem que recebia drogas pelos correios e apreende 17kg de cocaína

Com ele foram apreendidos mais de 17 quilos de pasta base de cocaína

Na tarde desta quinta-feira, 2 de abril, policiais da Dise – Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes prenderam um homem de 30 anos acusado de tráfico de drogas em Assis.

Conforme o boletim de ocorrência, após serem informados pela Chefia de Segurança dos Correios de Bauru, de que haviam sido identificadas algumas embalagens com conteúdo suspeito remetidas para Assis, os policiais se dirigiram até a agência local dos Correios onde constataram com o uso de scanner que realmente havia uma caixa com conteúdo suspeito destinada à um endereço na Vila Funari.

Com um mandado de busca domiciliar foi montada operação para aguardar a entrega da encomenda.

Assim que a entrega foi feita, os policiais abordaram a moradora da casa que havia recebido a encomenda, informando sobre a razão da diligência e lhe apresentando o mandado de busca domiciliar.

A mulher informou o nome de seu filho, diferente do nome do destinatário, mas relatou que o filho trabalha revendendo suplementos para ginástica e musculação e que rotineiramente recebia encomendas com o nome daquele destinatário.

A mulher ligou para seu filho que foi até a casa, e os policiais iniciaram buscas minuciosas no local, encontrando no quarto do homem vasto material com características de produtos químicos, notadamente pó branco embalado em inúmeros pacotes lacrados, sacos plásticos e também baldes.

Divulgação - Policiais encontraram pó branco embalado em inúmeros pacotes lacrados, sacos plásticos e também baldes
Policiais encontraram pó branco embalado em inúmeros pacotes lacrados, sacos plásticos e também baldes


No interior do guarda-roupa do suspeito foram encontradas duas porções de pó branco acondicionadas em saquinhos plásticos transparentes e sobre o mesmo imóvel foram encontradas uma porção de maconha e uma de crack, também embaladas em plástico.
Indagado, o homem admitiu que estas porções eram de cocaína, maconha e crack.

No guarda-roupa foram localizados ainda uma balança de precisão, rolo de plástico filme e rolos de saquinhos plásticos.

Em relação ao restante do material encontrado nos baldes, sacos e pacotes, o homem alegou se tratar de suplementos vitamínicos utilizados por quem pratica atividade física, com exceção de um saco plástico que, segundo ele se tratava de anestésico usado por quem faz aplicação de anabolizante.

Divulgação - Baldes apreendidos durante operação da Polícia Civil em Assis
Baldes apreendidos durante operação da Polícia Civil em Assis


A caixa entregue pelos Correios foi aberta e continha cinco pacotes contendo pó branco e com embalagens idênticas ao pacote apontado pelo suspeito como anestésico.

Foram apreendidas ainda diversas caixas vazias de correspondência tendo como destinatário o mesmo nome, comprovando que o indiciado já vinha recebendo material com nome falso, embalagens vazias para revenda de mercadorias, além de R$ 419,00 em dinheiro.

Após a realização de exames, foi constatado que parte considerável do material apreendido eram entorpecentes, que pesaram 17,360 quilos de cocaína, além as porções menores que pesaram 20,83 gramas de cocaína, 0,38 grama de cocaína petrificada e 1,52 grama de maconha.

Divulgação - Também foram localizados uma balança de precisão, rolo de plástico filme e rolos de saquinhos plásticos
Também foram localizados uma balança de precisão, rolo de plástico filme e rolos de saquinhos plásticos


Quanto ao restante do material não foi detectada a presença de substâncias entorpecentes rotineiramente pesquisadas.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado ao Anexo de Detenção Provisória de Assis.

Redação AssisCity
+ VEJA TAMBÉM