07 de Agosto de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Após denúncia, homem com Covid-19 é multado e preso por desrespeitar isolamento e ser achado em bar

Após denúncia, Vigilância Sanitária acionou a PM para prender o mecânico por crime contra saúde pública. Depois de ser multado, paciente aceitou a internação.

Um homem foi preso em flagrante, em Ourinhos (SP), por crime contra a saúde pública após desrespeitar as regras de isolamento social.

Diagnosticado com a Covid-19, um mecânico que não teve o nome divulgado estava em um estabelecimento comercial, sem máscara, interagindo com outras pessoas. A Polícia Militar chegou ao local após ser acionada pela Vigilância Sanitária, que recebeu denúncia anônima sobre o caso.

Segundo Wagner Carrijo, gerente de Vigilância Epidemiológica e diretor da Vigilância Sanitária de Ourinhos, as denúncias sobre o comportamento do homem começaram na segunda-feira (27).

Ele estaria consumindo bebida alcoólica em um estabelecimento na região central, conversando com outras pessoas, sem máscara de proteção. No local os fiscais constataram o fato e acionaram a polícia.

Ele se recusou a ser encaminhado para tratamento por conta da Covid-19 e assinou termo se comprometendo a manter isolamento social. Mas no início da noite de terça-feira (28) nova denúncia levou a PM a encontrar o mecânico em outro bar.
Polícia Militar foi acionada pela prefeitura para prender em um bar o homem que testou positivo para a Covid-19 — Foto: Prefeitura de Ourinhos/Divulgação
Polícia Militar foi acionada pela prefeitura para prender em um bar o homem que testou positivo para a Covid-19 — Foto: Prefeitura de Ourinhos/Divulgação

O homem recebeu voz de prisão e foi levado até a delegacia. Após assinar o boletim de ocorrência, ele foi multado e levado à UPA, porque estava embriagado. O valor da multa não foi informado.

Na quarta-feira (29), ele aceitou a internação e foi levado ao Hospital Covid. A Secretaria da Saúde também fará o encaminhamento dele para terapia contra o alcoolismo.

Segundo a prefeitura, nesta semana cinco estabelecimentos comerciais foram autuados, dois por funcionar além do horário estabelecido no decreto sobre isolamento social, e outros três por não exigir o uso obrigatório das máscaras de proteção.

Em Ourinhos, os estabelecimentos comerciais podem funcionar das 10h às 16h em dias de semana e das 9h às 13h aos sábados. A cidade tem até esta quinta-feira (30) um total de 981 casos confirmados de Covid-19 e dez mortes causadas pela doença.

G1
+ VEJA TAMBÉM