06 de Março de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Idosa de 101 anos entrega currículo em empresa e caso viraliza na web: 'Para ajudar um pouco'

Iniciativa surpreendeu a equipe de uma empresa em Promissão (SP) e repercutiu nas redes sociais como 'lição de empoderamento'.

Uma idosa de 101 anos surpreendeu a equipe de uma empresa em Promissão (SP) depois que entregou um currículo e manifestou interesse em trabalhar no local. Segundo a aposentada, ela queria trabalhar para comprar as coisas que gosta sem depender dos familiares.

"Eu quero trabalhar para comprar meus 'vinhozinhos', minha 'carninha', para não depender só da filha, ajudar um pouco", conta dona Maria Cardoso.

A bisneta da idosa, Pâmela Cristina Matias Gomes, contou que várias pessoas da família dela são funcionárias de um frigorífico da cidade e que a bisavó sempre demonstrou interesse em também trabalhar na empresa.

Por causa disso, a tia da idosa decidiu fazer um currículo para a dona Maria e pediu para a bisneta entregar aos recrutadores. Pâmela mandou o documento no grupo da empresa no WhatsApp e o currículo chegou às mãos da analista de atração e seleção do frigorífico, Juliana Araújo.

"Ela mandou mensagem 'Juliana, faz entrevista com a minha vó'. Aí na hora que eu vi a data de nascimento, eu levei um susto e falei: 'Pelo amor de Deus, leva o currículo para mim'. Aí ela levou e achei a coisa mais linda, com a foto dela", conta Juliana.

Na semana passada, a analista compartilhou a situação nas redes sociais e se surpreendeu com a repercussão da história na cidade.

"Eu compartilhei porque foi uma coisa que mudou o meu dia, essa senhora com essa lição de empoderamento feminino, dando essa aula para a gente."

Dona Maria fez currículo com intenção de trabalhar para comprar vinhos ? Foto: Arquivo pessoal/Pâmela Cristina Matias Gomes
Dona Maria fez currículo com intenção de trabalhar para comprar vinhos ? Foto: Arquivo pessoal/Pâmela Cristina Matias Gomes


A dona Maria contou que não completou os estudos, pois trabalhou na roça desde os 9 anos de idade. Apesar do desejo de trabalhar no escritório da empresa e fazer alguma coisa diferente, ela disse que fez o currículo como uma forma de brincadeira porque não sabe escrever.

De acordo com a bisneta, uma empresa de vinhos chegou a entrar em contato com a família depois da repercussão e disse que vai doar garrafas todo mês à idosa.

Já Juliana disse que pretende levar a dona Maria para fazer um passeio pela empresa quando a pandemia acabar.

"Tem muita empresa entrando em contato, querendo o telefone dela e já ganhou muito vinho que eu sei. Ela está uma celebridade na cidade, todo mundo só fala disso", afirma Juliana.
Por Júlia Nunes, G1 Bauru e Marília
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM

Após colapso na saúde, funcionários de hospital em Jaú fazem 5 minutos de oração por pacientes com Covid

Mobilização foi organizada pela prefeitura da cidade, que pediu para os moradores pararem as atividades e participarem da corrente a partir das 15h, independentemente da crença ou religião de cada um.

Ao ver o pai agredir a mãe com uma cadeira, menina de 9 anos aciona a Polícia Militar e homem acaba preso

Vítima segurava uma faca e um espeto para se defender quando os policiais chegaram no local.

Sete pacientes de Paraguaçu Paulista ficam feridos em engavetamento na Rodovia Castello Branco em SP

Moradores do interior de SP estavam em um van da prefeitura que os levava para consultas médicas em hospitais da capital. Acidente envolveu quatro veículos no trecho que passa por Barueri, na Grande São Paulo.

Chavantes confirma 1º caso da variante brasileira do coronavírus e endurece quarentena

Segundo assessoria, caso é de um médico que foi para São Paulo no início da semana e fez o teste. Prefeitura publicou decreto com toque de restrição das 20h às 5h e novas proibições.

Vigilância Sanitária multa vereadora em mais de R$ 6 mil por descumprimento do isolamento domiciliar com suspeita de Covid-19

De acordo com a Prefeitura, Sara dos Santos Scarabelli Souza (PODE) poderá apresentar recurso dentro de 10 dias. Parlamentar disse que respeitou fielmente todas as ordens médicas.

Morador de Marília é multado por utilizar ave silvestre como chamariz para capturar outras aves

A multa é no valor de R$ 500,00

- Veja a lista completa